Os melhores de 2018

Gosto muito de listas, então resolvi deixar registrado aqui os melhores filmes de terror que vi neste ano. Não necessariamente apenas os lançados em 2018, mas os gerais. São eles:

Hereditary (2018) Dirigido por Ari Aster

Vi esse filme duas vezes no cinema esse ano. The Witch me impactou muito em 2015, considerei o melhor da década, mas esse aqui ficou impregnado na minha mente. Quanto mais penso nesse filme, mais eu gosto. Falei dele aqui.

O Animal Cordial (2017) Dirigido por Gabriela Almeida Amaral

Saí do cinema pensando “Esse filme é tão bom quanto Hereditary“. Foi o tanto que eu amei. Falei dele aqui.

o-ani

Halloween (2018) Dirigido por David Gordon Green

Eu estava extremamente ansiosa por esse filme e ele não me decepcionou. Falei dele aqui.

Bug (2006) Dirigido por William Friedkin

Um filme que eu não esperava nada e amei. Um filme com Michael Shannon é bom até quando é ruim. Falei dele aqui.

Mandy (2018) Dirigido por Panos Cosmatos

Eu não gostei desse filme. Visualmente ele é lindo, o enredo é muito interessante, mas acho que se perde na brisa. Nicholas Cage tá sensacional nesse papel brega. Quando o filme acabou eu estava com sentimentos conflitantes, mas até agora não consigo parar de pensar nele. Acho que isso significa algo, né? Devo rever em breve e por algum motivo, resolvi colocar aqui.

mandy-box-office

A Quiet Place (2018) Dirigido por John Krasinski

No começo desse ano o blog estava meio parado. Eu estava escrevendo mais sobre poesia, nada sobre cinema. Eis que saí do cinema após ver esse filme com uma vontade imensa de falar sobre ele. O texto está aqui.

Ghostland (2018) Dirigido por Pascal Laugier

Martyrs é um dos filmes que mais gosto na vida, e é justamente um que nunca consegui rever. É um filme que parece de espírito, de repente vira de vingança e depois, uma das maiores bad vibes que eu já vi no cinema. Então, as expectativas estavam altas para um novo filme do Laugier. E elas foram atendidas. Falei dele aqui.

As Boas Maneiras (2017) Dirigido por Juliana Rojas e Marco Dutra

Eu amo ver como as mulheres brasileiras estão criando um cinema de terror extremamente criativo. Aqui tem musical, relacionamento lésbico e lobisomem. E essa mistura dá muito certo.

Trilogy of Terror (1975) Dirigido por Dan Curtis

Conheci esse filme por causa daquele gif da Karen Black apontando os livros da estante. Fui atrás e que belíssima surpresa! São três historinhas bem legais.

tumblr_mgneykQC0S1qedb29o1_r1_500

The Toxic Avenger (1984) Dirigido por Michael Herz e Lloyd Kaufman

Eu nunca tinha visto este grande clássico, e tive a oportunidade de vê-lo na Mostra de Monstros que rolou no CCBB. Como não amar esse filme?

Menções Honrosas:

Frankenstein’s Army (2013) Dirigido por Richard Raaphorst

Macabre (1958) Dirigido por William Castle

November (2017) Dirigido por Rainer Sarnet

Annihilation (2018) Dirigido por Alex Garland

Verónica (2017) Dirigido por Paco Plaza

PS1: Eu vi The Nun e Lights Out, e eles são de fato ruins, mas eu já vi muita coisa pior nessa vida.

PS2: Minha meta para 2019 é ver mais filmes de terror dirigidos por mulheres. Criei esse tumblr para postar todos que eu já vi.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s